Obra Nacional da Pastoral do Turismo (ONPT) apresenta a sua nova equipa

Uma sessão que abordará questões relacionadas com o Turismo e a Comunicação na Era pós-COVID será dinamizada pela Obra Nacional da Pastoral do Turismo e pela Ecclesia, no próximo dia 14 de maio, pelas 17h30, no Santuário da Mãe Soberana, em Loulé.

Esta sessão, que une o trabalho de dois Secretariados da Conferência Episcopal Portuguesa – CEP (Secretariado Nacional das Comunicações Sociais e Secretariado Nacional da Pastoral da Mobilidade Humana), incluirá, ainda, a apresentação da nova equipa da ONPT, cujo diretor, Padre Miguel Lopes-Neto foi nomeado no passado mês de abril pela CEP.

«Quisemos que esta sessão decorresse no Algarve por duas razões: estava agendado que, este ano, a apresentação da Mensagem do Papa para o Dia Mundial das Comunicações seria cá, mas com todas as limitações impostas pela pandemia, acabou por ter de se realizar online», explica o Padre Miguel Lopes-Neto, Diretor do Gabinete de Informação da Diocese do Algarve e novo Diretor da ONPT. E prossegue: «Da mesma maneira, também fazia sentido que a cerimónia de apresentação da nova equipa da ONPT acontecesse na região algarvia, já que eu (e mais um dos elementos) sou da região». Por isso, foi escolhido o Santuário da Mãe Soberana «como local simbólico e significante, já que este é local da maior manifestação de turismo religioso mariano a sul do Tejo e, também, lugar de grande devoção do povo algarvio», explica o sacerdote.

Esta sessão terá uma primeira parte, que visa a divulgação da Mensagem do Papa para o Dia Mundial das Comunicações Sociais, que será coordenada por Isabel Figueiredo, diretora do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais e da Rádio Renascença.

Neste primeiro painel, haverá uma comunicação de D. João Lavrador, presidente da Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais e uma mesa-redonda.

Os jornalistas Miguel Domingues (SIC), Olímpia Maires (Renascença, Nordeste Transmontano), Lília Almeida (Antena 1, Açores) e Francisco Barbeira (Jornal “A Guarda”) abordarão as suas experiências pessoais e as histórias que os levam a encontrar “Proximidade como marca do jornalismo pós-pandemia”.

No painel sobre os desafios que se colocam ao turismo, moderado pela jornalista Elisabete Rodrigues (Sul Informação), estarão presentes Alexandra Rodrigues Gonçalves, diretora da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Algarve e Margarida Franca, membro da nova equipa da ONPT.

A Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, terá uma intervenção nesta sessão, depois de no dia 21 de abril se ter reunido com o novo Diretor da ONPT e terem trocado ideias sobre a forma como a Igreja pode ser um parceiro no processo de arranque do turismo no período pós pandemia.
D. Manuel Neto Quintas, Bispo do Algarve e responsável pela área do Turismo, na Comissão da Pastoral Social e Mobilidade Humana estará presente falará nesta sessão, que contará, ainda, com uma comunicação do presidente da Comissão da Pastoral Social e Mobilidade Humana, D. José Traquina Maria.

«Gostaríamos de reunir os agentes do Algarve com maior interesse, quer na questão da comunicação, quer na questão do turismo», salienta o Padre Miguel Lopes-Neto e reforça: «Não é todos os dias que temos a possibilidade de trazer à região um acontecimento da Igreja Católica Nacional, o que nos deve fazer sentir orgulhosos e motivar a participação».

Share
Share